Ligue-se a nós

Atualidade

Utentes de lar em Santarém transferidos para hospital de Abrantes – autoridades

Publicado

Oito utentes da casa de repouso Idoso Feliz, em Santarém, começaram a ser transferidos para o Hospital de Abrantes na noite de terça-feira depois dos resultados positivos da doença causada pelo novo coronavírus, disse fonte da Proteção Civil.

Em declarações à agência Lusa, o comandante da Proteção Civil Municipal, José Guilherme, adiantou que inicialmente estava prevista a retirada de sete pessoas, mas juntou-se mais uma que se encontra acamada.

O processo teve início cerca das 22:00 de terça-feira, estando os idosos deste “lar não legal” a ser levados para a unidade hospitalar de Abrantes pelos Bombeiros Voluntários de Pernes e pelos Sapadores de Santarém.

“Dos 19 utentes dois não deram positivo, mas vão ser igualmente transportados, enquanto os funcionários do lar vão fazer o seu isolamento no domicílio”, afirmou José Guilherme.

O presidente da Câmara de Santarém, Ricardo Gonçalves, avançou à Lusa que os idosos estão a ser transportados para o Hospital de Abrantes, pois é aquele que no distrito de Santarém “recebe este tipo de utentes quando testam positivo à covid-19” e os restantes vão ser transportados durante a manhã de hoje.

Segundo o autarca, o lar onde se encontram é um dos 42 lares “não legais” do concelho de Santarém de acordo com o levantamento a nível nacional de vistoria e visitas a lares não legalizados, um processo que a autarquia iniciou na segunda-feira.

Atualidade

Presidente brasileiro tem Covid-19

Publicado

O Presidente do Brasil, disse hoje que está infetado com o novo coronavírus, um dia depois de relatar sintomas e realizar um teste num hospital Militar, em Brasília.

Numa comunicação via Facebook, Bolsonaro confirmou o resultado positivo do teste e adiantou que fez uma radiografia e que o pulmão “estava limpo”.

O Presidente já havia informado a apoiantes que estava com febre e dores no corpo e, por isso, decidiu fazer o exame.

O Brasil é o país lusófono mais afetado pela pandemia e um dos mais atingidos no mundo, ao contabilizar o segundo número de infetados e de mortos (mais de 1,62 milhões de casos e 65.487 óbitos), depois dos Estados Unidos.

A pandemia de covid-19 já provocou mais de 538 mil mortos e infetou mais de 11,64 milhões de pessoas em 196 países e territórios, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de dezembro, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

Depois de a Europa ter sucedido à China como centro da pandemia em fevereiro, o continente americano é agora o que tem mais casos confirmados e mais mortes.

 

Lusa

Continue a ler

Populares