Ligue-se a nós

Atualidade

“Super Dragões” fazem onda solidária

Publicado

Geralmente quando se fala de claques de futebol não é pelos melhores motivos, mas desta feita é diferente.

Sob o lema Juntos Vamos Vencer Esta Guerra, os Super Dragões, principal claque do FC Porto estão a distribuir «bens essenciais a idosos e famílias com crianças, que se encontram em isolamento por causa do COVID 19» e a ajuda não se restringe à área do Grande Porto. Estende-se a Braga e Famalicão, onde também foram sinalizados casos urgentes de idosos que não podem sair de casa e de famílias que precisam de alimentos.

Em nota publicada nas redes sociais, os Super Dragões explicam que angariaram bens «entre os adeptos» e que contam com «o apoio de pequenos empresários do Mercado Abastecedor, no que respeita a produtos frescos.» «Estamos a ajudar pessoas que estão a ficar em dificuldades, pois se já eram carenciadas, agora ficaram sem rendimentos», relatou o líder da claque, Fernando Madureira.

Atualidade

A terra tremeu pelo menos três vezes esta manhã nos Açores

Publicado

Dois novos sismos foram sentidos hoje de manhã na ilha de São Miguel, nos Açores, segundo adiantou em comunicado o Serviço Regional de Proteção Civil e Bombeiros dos Açores.

O documento que cita o Centro de Informação e Vigilância Sismovulcânica dos Açores (CIVISA), refere que o primeiro abalo com magnitude 2,5 na escala de Richter registou-se às 09:31 locais (10:31 em Lisboa) e foi sentido na Ribeira Quente e Nossa Senhora dos Remédios, no concelho da Povoação.

Posteriormente, às 09:54 locais (10:54 em Lisboa) foi registado um novo sismo com magnitude 2,4 (Richter) e epicentro a cerca de quatro quilómetros a sul-suldoeste da Povoação.

Antes, por volta as 07:07 locais (08:07 em Lisboa), tinha sido registado em São Miguel, um primeiro sismo com magnitude 4,8 na escala de Richter com epicentro a cerca de 19 quilómetros a este/nordeste das Formigas.

Em declarações à agência Lusa, o presidente do Centro de Informação e Vigilância Sismovulcânica dos Açores (CIVISA), Rui Marques, explicou que estes dois novos sismos poderão estar relacionados mas nada terão a ver com o primeiro.

Contactada pela Lusa, a Proteção Civil dos Açores disse não haver registo de quaisquer ocorrências relacionadas com os sismos.

Continue a ler

Populares