Ligue-se a nós

Atualidade

Reaberta circulação na A25 e no IC2 em Albergaria-a-Velha e Águeda

Publicado

A Autoestrada 25 (A25) e o Itinerário Complementar 2 (IC2) foram reabertos, em Albergaria-a-Velha e Águeda, no distrito de Aveiro, onde o incêndio na localidade de Paus motiva “maior preocupação”.

“Neste momento já temos o IC2 e a A25 reabertos. O incêndio da Veiga (Águeda) já está dado como dominado, mas não extinto, continuamos em trabalhos no incêndio de Paus (Albergaria-a-Velha), que é o que está a implicar mais meios e maior preocupação”, afirmou à Lusa o comandante distrital de proteção civil, António Ribeiro.

António Ribeiro explicou, a partir do teatro de operações, que está a ser dada maior atenção ao incêndio de Paus, que deflagrou às 11:28 de quinta-feira e que “tem progredido para a parte baixa do concelho de Albergaria-a-Velha, já perto da margem do rio Vouga”, pelo que a preocupação “agora é proteger as povoações de Frossos, Angeja e São João de Loure”.

Para a zona foram mobilizados sete meios aéreos e as Forças Armadas enviaram para o distrito de Aveiro três máquinas de rasto do Exército, “para apoiarem na abertura de caminhos que facilitem o acesso dos operacionais que combatem os incêndios”.

Às 13:00, fonte do Comando Distrital de Operações e Socorro (CDOS) de Aveiro disse à Lusa que a Autoestrada 1 (A1) se mantém cortada devido um incêndio no concelho de Albergaria-a-Velha.

Atualidade

Presidente brasileiro tem Covid-19

Publicado

O Presidente do Brasil, disse hoje que está infetado com o novo coronavírus, um dia depois de relatar sintomas e realizar um teste num hospital Militar, em Brasília.

Numa comunicação via Facebook, Bolsonaro confirmou o resultado positivo do teste e adiantou que fez uma radiografia e que o pulmão “estava limpo”.

O Presidente já havia informado a apoiantes que estava com febre e dores no corpo e, por isso, decidiu fazer o exame.

O Brasil é o país lusófono mais afetado pela pandemia e um dos mais atingidos no mundo, ao contabilizar o segundo número de infetados e de mortos (mais de 1,62 milhões de casos e 65.487 óbitos), depois dos Estados Unidos.

A pandemia de covid-19 já provocou mais de 538 mil mortos e infetou mais de 11,64 milhões de pessoas em 196 países e territórios, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de dezembro, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

Depois de a Europa ter sucedido à China como centro da pandemia em fevereiro, o continente americano é agora o que tem mais casos confirmados e mais mortes.

 

Lusa

Continue a ler

Populares