Ligue-se a nós

Atualidade

Prisão preventiva para o jovem detido no Porto por motorista da Uber – PSP

Publicado

Justiça

O jovem entregue esta quinta-feira, sob detenção, à PSP do Porto pelo motorista do Uber, que momentos antes tentara assaltar no Campo Mártires da Pátria, ficou em prisão preventiva, disse à Lusa fonte policial.

Hugo Saraiva, de 20 anos, foi detido pelo motorista da Uber, no momento em que tentou o assalto à viatura, e entregue às autoridades, cerca das 01:15, na esquadra do Infante, na zona histórica do Porto.

O detido foi, entretanto, identificado como um dos três foragidos em 2018 do Tribunal de Instrução Criminal (TIC) do Porto.

O motorista relatou à polícia que tinha a viatura parada no Campo Mártires da Pátria, também no Porto, esperando ser acionado para algum serviço, quando foi abordado por Hugo Saraiva e outro jovem não identificado com o pretexto de os levar a algum local.

Como não tinha sido acionado através da plataforma eletrónica, o motorista da Uber recusou e, nesse momento, Hugo Saraiva entrou no carro por uma das portas traseiras e tentou furtar um telemóvel e outros bens.

“Só que o condutor arrancou rápido e conseguiu levar o suspeito até à esquadra”, disse a fonte. Quando chegou levava o jovem amarrado pelo braço.

“Como o conseguiu fazer, não sabemos. Sabemos, isso sim, que conseguiu garantir que ele não lhe fugia até chegar à esquadra”, disse a fonte.

Hugo Saraiva, foi o mais jovem dos três envolvidos numa fuga do TIC em 18 de outubro do ano passado e que acabaram capturados no dia seguinte.

Momentos antes daquela fuga, um juiz de instrução tinha decretado a sua prisão preventiva por alegado envolvimento em dezenas de furtos a idosos no Grande Porto.

Atualidade

Suspeito de esfaquear rapaz de 16 anos em escola de Gondomar entregou-se à GNR

Publicado

Um jovem de 18 anos suspeito de ter esfaqueado esta manhã um outro de 16 anos numa escola de Fânzeres, em Gondomar, distrito do Porto, entregou-se no posto da GNR local, disse à Lusa fonte policial.

Em declarações à agência Lusa, fonte da GNR confirmou que o suspeito “se entregou no posto da GNR” de Fânzeres.

A vítima foi transportada ao Hospital de São João e, de acordo com informações chegada ao Comando Territorial da GNR do Porto, não corre risco de vida.

O caso ocorreu pelas 10:30 na Escola EB 2,3 de Santa Bárbara, em Fânzeres, concelho de Gondomar.

Continue a ler

Populares