Ligue-se a nós

Música

Portugal ficou em 16º lugar no Festival Eurovisão Júnior

O Eurovisão Júnior reuniu este ano cantores de 19 países com idades entre os nove e 14 anos.

Publicado

A Polónia ganhou este domingo, pela segunda vez consecutiva, o Festival Eurovisão Júnior, que decorreu naquele país, com uma canção interpretada por Viki Gabor, enquanto Portugal ficou em 16º lugar, representado por Joana Almeida.

De acordo com os resultados inscritos no sítio ´online´ do festival, que se realizou na localidade polaca de Gliwice, a canção “Superhero” foi a vencedora, tendo contado com o forte apoio do público.

Em segundo lugar ficou o representante do Cazaquistão, com a canção “Armanynnan Qalma”, interpretada por Yerzhan Machim, e, em terceiro lugar, a Espanha, com a canção “Marte”, interpretada por Melani Garcia.

Curiosamente, tanto o tema da vencedora polaca, como o da portuguesa Joana Almeida, com a canção “Vem Comigo”, falam da necessidade de mobilizar as pessoas para salvar o planeta.

Viki Gabor, de 12 anos, de origem polaca, mas nascida na Alemanha, começou a estudar música no Reino Unido e vive atualmente na Polónia, onde foi finalista, em fevereiro deste ano, do concurso “The Voice Kids”.

Música

Morreu José Mário Branco aos 77 anos

O cantautor nasceu no Porto há 77 anos.

Publicado

Morreu José Mário Branco, avança a RTP.

Nascido no Porto, em maio de 1942, José Mário Branco é considerado um dos mais importantes autores e renovadores da música portuguesa, em particular no período da Revolução de Abril de 1974, cujo trabalho se estende também ao cinema, ao teatro e à ação cultural, escreve a Agênci Lusa.

Foi fundador do Grupo de Ação Cultural (GAC), fez parte da companhia de teatro A Comuna, fundou o Teatro do Mundo, a União Portuguesa de Artistas e Variedades e colaborou na produção musical para outros artistas, nomeadamente Camané, Amélia Muge, Samuel e Nathalie.

Em 2018, José Mário Branco cumpriu meio século de carreira, tendo editado um duplo álbum com inéditos e raridades, gravados entre 1967 e 1999. A edição sucede à reedição, no ano anterior, de sete álbuns de originais e um ao vivo, de um período que vai de 1971 e 2004.

Continue a ler

Populares