Ligue-se a nós

Música

Portugal à procura de um lugar na final da Eurovisão

Publicado

Foto: YouTube Conan Osíris

Conan Osiris atua esta terça-feira em Telavive por um lugar na final da 64.ª edição do Festival Eurovisão da Canção.

Hoje decorre a primeira semifinal do concurso, que será disputada por 17 países e, a avaliar pela média de várias casas de apostas, calculada pelo ‘site’ eurovisionworld.com, Portugal arrisca-se a falhar a final.

Portugal, que concorre com a canção “Telemóveis”, interpretada e composta por Conan Osiris, ocupava na segunda-feira o 12.º lugar na lista de preferências mas só dez países passam à final.

Além de Portugal, hoje atuam os concorrentes da Grécia (Katerine Duska, “Better Love”), Chipre (Tamta, “Replay”), Austrália (Kate Miller-Heidke, “Zero Gravity”), Islândia (Hatari, “Hatrið mun sigra”), Hungria (Joci Pápai, “Az én apám”), Sérvia (Nevena Božović, “Kruna”), República Checa (Lake Malawi, “Friend of a friend”), Eslovénia (Zara Kralj & Gašper Šantl, “Sebi”), Bélgica (Eliot, “Wake up”), Estónia (Victor Crone, “Storm”), Polónia (Tulia, “Pali się”), Bielorrússia (Zena, “Like it”), São Marino (Serhat, “Say Na Na Na”), Geórgia (Oto Nemsadze, “Keep on going”), Finlândia (Darude com Sebastian Rejman, “Look Away”) e Montenegro (D mol, “Heaven”).

Aos 10 países apurados hoje irão juntar-se outros 10, que serão escolhidos na segunda semifinal, na quinta-feira.

Na final, no sábado, aos 20 países apurados nas duas semifinais, irão juntar-se os ‘Cinco Grandes’ (França, Alemanha, Itália, Espanha e Reino Unido) e o país anfitrião (Israel).

Música

Mais dois concertos de Madonna em Lisboa

Publicado

A digressão europeia da cantora norte-americana vai ter mais duas datas no Coliseu de Lisboa, em 12 e 14 de janeiro, foi hoje anunciado, através da ‘newsletter’ da artista.

Depois de ter confirmado seis concertos, os primeiros da digressão europeia e já esgotados, para 16, 18, 19, 21, 22 e 23 de janeiro, Madonna anuncia agora duas novas atuações, para as quais os bilhetes vão ser postos à venda no sábado. Os preços das entradas estão entre os 75 e os 300 euros, mais taxas, segundo a página de Madonna. O arranque da digressão “Madame X” em território europeu dá-se assim no dia 12 de janeiro.

A digressão “Madame X” terá início no dia 12 de setembro deste ano no BAM Howard Gilman Opera House em Nova Iorque, e contará com várias apresentações em cidades norte-americanas, nomeadamente em Chicago, Los Angeles, Las Vegas, Boston, Filadélfia e Miami.

Os espetáculos desta digressão caracterizam-se por serem atuações mais íntimas, em salas de menor dimensão.
Influenciada criativamente por ter vivido em Lisboa nos últimos anos, “Madame X” – título do álbum lançado em junho e que dá o nome à digressão -, é uma coleção de 15 novas músicas que “celebram o longo romance de Madonna com a música e cultura latina, assim como com outras influências mundiais”.

Dino d’Santiago, Celeste Rodrigues, Fábia Rebordão, Ricardo Toscano, Gaspar Varela e as batucadeiras de Cabo Verde são alguns dos artistas com quem Madonna se cruzou nos últimos meses, a avaliar pelas fotografias e vídeos que tem divulgado nas redes sociais.

Em 2018, quando completou 60 anos, Madonna disse numa entrevista à revista italiana Vogue que a temporada recente em Lisboa a influenciou no processo criativo deste álbum.

“Conheci imensos músicos maravilhosos e acabei por trabalhar com muitos deles no meu novo disco, por isso, sim, Lisboa influenciou a música e o meu trabalho. Como não influenciar? Não sei como é que eu teria passado este ano sem ter conhecido toda esta cultura”, disse a cantora norte-americana na entrevista.

Lusa

Continue a ler

Populares