Ligue-se a nós

Atualidade

Polícias iniciam esta terça-feira uma greve de fome

Publicado

PSP

Os profissionais da Polícia de Segurança Pública (PSP) vão iniciar esta terça-feira o protesto no jardim de Belém, em frente à residência oficial do Presidente da República.

Em causa está “a ausência de resposta e soluções” do ministro da Administração Interna “relativamente a diversos assuntos que afetam os profissionais da Polícia de Segurança Pública”.

Entre os principais temas que estão na base deste protesto estão “o incumprimento da decisão judicial do Supremo Tribunal Administrativo, que condenou o Estado ao pagamento de todos os Suplementos Remuneratórios aos elementos policiais desde 2010, durante os períodos de férias”.

Os agentes da PSP pretendem “o aumento imediato do Suplemento por Serviço nas Forças de Segurança, para o percentual de 25%”, a “indexação dos Suplementos Especial de Serviço, Patrulha, Turno e Piquete e Comando, à remuneração principal de cada elemento policial” e ainda a “revisão imediata do fator de sustentabilidade, aplicado aos profissionais da PSP, que se aposentaram entre 2014 e 2015, fator esse que resultou numa perda significativa do valor da pensão de aposentação”.

A greve irá prolongar-se por tempo indeterminado.

Atualidade

Mãe de menina que morreu na bagageira pode ser acusada de ofensa à integridade física

Publicado

Emergência Ambulância

A mãe da menina que morreu na bagageira, na sequência de um acidente de carro na madrugada de domingo em Cascais, pode vir a ser acusada de pelo menos dois crimes, avança o jornal Sol.

O advogado Rogério Alves disse ao Jornal de Notícias (JN) que a mulher, que era também a condutora do carro, pode ser acusado de “condução perigosa de veículo rodoviário, numa pena que pode ir até três anos de prisão”; e ainda do crime de “ofensa à integridade física com agravação do resultado, o que inclui uma pena que também pode ir até aos três anos de cadeia”.

O acidente aconteceu pelas 0h20 horas de domingo, sendo que no carro estavam oito pessoas, incluindo duas crianças que seguiam na bagageira, uma menina de 10 anos e um rapaz de 13.

De acordo com fonte da GNR, citada pelo JN, o caso “está agora entregue ao Núcleo de Investigação de Acidentes do Destacamento de Trânsito da GNR de Carcavelos”.

Continue a ler

Populares