Ligue-se a nós

Atualidade

Polícia Judiciária detém assaltante à mão armada por crime cometido na Amadora

Publicado

A Polícia Judiciária (PJ) anunciou hoje a detenção de um homem de 19 anos “fortemente indiciado pela prática de crime de roubo agravado” em janeiro no concelho da Amadora.

Em comunicado enviado à Lusa, a PJ esclarece que o agora detido, que agiu conjuntamente com três coautores ainda por identificar, “abordou a vítima na estação ferroviária da Amadora, tendo-a ameaçado com uma arma de fogo e uma arma branca, apropriando-se do seu telemóvel e do seu cartão de multibanco”.

No próprio local, os autores obrigaram a vítima a fornecer o código do cartão, com o qual levantaram 20 euros, única quantia existente na conta.

Perante o valor diminuto, os autores ameaçaram o ofendido, exigindo mais dinheiro.

“Receando pela sua integridade física, a vítima foi obrigada a deslocar-se à residência da namorada, local onde os suspeitos se apropriaram de outros bens, nomeadamente peças de vestuário, perfumes e dinheiro”, explica a PJ.

O detido será presente a primeiro interrogatório judicial, no qual será sujeito à aplicação das medidas de coação processual adequadas.

A PJ irá prosseguir a investigação, visando apurar a eventual participação do agora detido em outros crimes, bem como a identificação dos restantes coautores.

Atualidade

Telma Monteiro campeã europeia de Judo

Publicado

A judoca Telma Monteiro conquistou hoje a medalha de ouro na categoria de -57 kg nos Europeus em Lisboa, ao vencer na final a eslovena Kaja Kajzer, por ‘ippon’.

Telma alcançou o sexto título europeu e chegou à 15.ª medalha em igual número de presenças em Europeus, tornando-se a primeira judoca a conquistar ‘metais’ em 15 Europeus.

No combate diante de Kajzer, 15.ª do mundo e com quem Telma Monteiro tinha perdido em 2020, em Telavive, a judoca do Benfica, 10.ª, conseguiu pontuar para ‘ippon’, terminando de imediato o combate, aos 39 segundos do prolongamento (‘golden score’).

Antes da final, a judoca tinha vencido a experiente austríaca Sabrina Filzmoser (waza-ari), duas vezes campeã europeia e 31.ª do mundo, a belga Mina Libeer (ippon), 48.ª, e a kosovar Nora Gjakova, quarta e a grande favorita em Lisboa, como mais bem classificada dos -57 kg na capital portuguesa.

Continue a ler

Populares