Ligue-se a nós

Entretenimento

Morreu o compositor e músico grego Vangelis

Publicado

O mundo da música está mais pobre com o  falecimento do autor de bandas sonoras de filmes como “Blade Runner – Perigo Iminente” e “Momentos de Glória”.

O compositor grego Evángelos Odysséas Papathanassíou, conhecido por Vangelis, faleceu aos 79 anos, segundo confirmação do primeiro-ministro da Grécia, Kyriakos Mitsotakis.“Vangelis Papathanassíou não está mais connosco.

O mundo da música perdeu o [artista] internacional Vangelis. O protagonista do som eletrónico, dos Óscares, do mito e dos grandes sucessos”, escreveu no Twitter o governante.

Nascido em Vólos (norte de Atenas), em 29 de março de 1943, o músico iniciou a carreira – marcada pelo uso de sintetizadores – nos anos de 1960.

Em 1968, Vangelis fundou a banda de rock progressivo Aphrodite’s Child com Demis Roussos (vocalista), Loukas Sideras (Loukas Sideras) e Anargyros “Silver” Koulouris (guitarrista), em Paris.

Os Aphrodite’s Child popularizaram-se pelas músicas “Rain and Tears”, “The Four Horsemen”, “Marie Jolie” e “Spring, Summer, Winter & Fall”, entre outras.

Estreando-se a solo em 1974 com o álbum “Earth”, Vangelis chegou a participar nos ensaios da banda britânica de rock progressivo Yes, tornando-se amigo do vocalista daquele grupo, Jon Anderson.

Com Jon Anderson, o grego produziu os discos “Short Stories” (1980), “The Friends of Mr. Cairo” (1981), “Private Collection” (1983) e “Page of Life” (1991), bem como as coletâneas “The Best of Jon & Vangelis” (1984) e “Chronicles” (1994).

Em 1982, Vangelis venceu um Óscar de Melhor Melhor Banda Sonora pelo filme “Momentos de Glória”, que retrata a superação de dois atletas britânicos, nos Jogos Olímpicos de 1924.

O tema da película realizada por Hugh Hudson chegou a atingir o primeiro lugar dos ‘tops’ nos Estados Unidos.

 

Lusa

Publicidade
1 Comentário

1 Comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado.