Ligue-se a nós

Atualidade

Lojas do cidadão reabrem na próxima segunda-feira com marcação

Publicado

As lojas do cidadão vão reabrir na segunda-feira com atendimento presencial por marcação na generalidade do país, anunciou esta quinta-feira o primeiro-ministro, António Costa.

A reabertura das lojas do cidadão insere-se no conjunto de medidas da próxima fase de desconfinamento, que avança segundo o plano do Governo para a generalidade do continente, exceção feita a alguns concelhos que pela elevada taxa de incidência de novos casos de covid-19 não reúnem as condições para progredir.

Segundo o plano do Governo, as lojas do cidadão com atendimento presencial por marcação vão reabrir na segunda-feira nos concelhos que avançam para a próxima fase.

A terceira etapa do plano de desconfinamento, que se inicia na segunda-feira aplica-se à generalidade do país, exceto em seis concelhos (Alandroal, Albufeira, Carregal do Sal, Figueira da Foz, Marinha Grande e Penela), que se vão manter com as regras atualmente em vigor, e quatro (Moura, Odemira, Portimão e Rio Maior), que vão recuar para as regras mais ‘apertadas’ da primeira fase de desconfinamento.

Em 03 de maio, está prevista a última fase deste plano cuja aplicação prática está, todavia, dependente da evolução dos contágios e do número de novos casos de covid-19.

Atualidade

Teletrabalho obrigatório até final de maio

Publicado

A ministra da Presidência salientou que nesta fase, enquanto aguarda um novo cenário de níveis de risco e de desconfinamento que está a ser definido pelos peritos, foi decidido que “até ao fim de maio em todo o país o teletrabalho permanece obrigatório”.

A possibilidade de prolongar até ao final deste mês o regime que define que o teletrabalho se mantém obrigatório em todos os concelhos do território continental já tinha sido transmitida esta quarta-feira pelo Governo aos parceiros sociais durante a reunião da Concertação Social.

 

Continue a ler

Populares