Ligue-se a nós

Atualidade

Liga dos campeões está de regresso

Publicado

A Liga dos Campeões de futebol é hoje retomada, quase cinco meses depois da suspensão, devido à pandemia de covid-19, com Juventus, Lyon, Manchester City e Real Madrid a lutarem por duas vagas na fase final, em Lisboa.

Suspensa logo depois do jogo Leipzig-Tottenham, disputado em 11 de março, a prova ‘milionária’ está de regresso ao fim de 149 dias de ausência, com dois jogos da segunda mão dos ‘oitavos’: Juventus-Lyon e Manchester City-Real Madrid, ambos às 20:00 (hora de Lisboa).

Recém-consagrada campeã italiana pelo nono ano seguido, a Juventus, do português Cristiano Ronaldo, entra em desvantagem no duelo, depois de Lucas Tousart ter anotado o único tento da vitória da formação francesa, por 1-0, em 26 de fevereiro.

Nesse mesmo dia, o Manchester City, dos portugueses Bernardo Silva e João Cancelo, bateu por 2-1 o Real Madrid, com Kevin de Bruyne e Gabriel Jesus a darem a volta ao golo inaugural de Isco.

Os vencedores destas duas eliminatórias vão defrontar-se nos quartos de final da Liga dos Campeões, em 15 de agosto, no Estádio de Alvalade, que vai acolher os jogos da fase final da prova, juntamente com o Estádio da Luz.

Na inédita ‘final a oito’ da principal competição europeia de clubes estão já Atalanta, Leipzig, Atlético de Madrid e Paris Saint-Germain, que superaram Valência, Tottenham, o campeão europeu Liverpool e o Borussia Dortmund, respetivamente, nos oitavos de final.

No sábado, ficará definido todo o quadro dos quartos de final, depois dos encontros Bayern de Munique-Chelsea (3-0, na primeira mão) e FC Barcelona-Nápoles (1-1).

Publicidade

COMENTÁRIOS

Atualidade

Treinador do Benfica acusa políticos de usar “máscara” diferente para o futebol

Publicado

Jorge Jesus, acusou hoje “os políticos” de usar “uma máscara” diferente para o futebol, em relação aos outros setores de atividade, ao defender o regresso dos espetadores aos estádios.

A finalizar a conferência de imprensa de lançamento da partida de sábado, da I Liga, frente ao Moreirense, para a qual o Benfica vai convidar 20 sócios para assistir na tribuna, o técnico disse não saber “qual é a máscara que eles [políticos] põem” para o futebol, “a atividade que melhor soube trabalhar e conviver com o vírus”, e afirmou que é preciso “ser realistas e ter só uma máscara para a covid-19”.

“Com todo o respeito pela Direção-Geral da Saúde, não entendo porque não há espetadores no futebol. Essa conversa de as pessoas que estão no futebol ser diferente do cinema, do teatro, da festa do Avante!, ainda bem. Fiquei todo feliz por haver festa do Avante! Quem consegue ter um controlo da organização como aconteceu e como qualquer clube em Portugal pode fazer, e tivemos agora o exemplo da Supertaça europeia, não entendo como é que no Estádio da Luz não podem estar 15 ou 20 mil pessoas”, comparou Jorge Jesus.

O antigo treinador do Flamengo considerou que “temos de viver” com a nova realidade do vírus “ou então vamos todos um ano para casa e ficamos todos malucos”, antes de lembrar que, no Brasil, “daqui a duas semanas já têm 20 mil pessoas dentro do estádio” e concluir que em Portugal se está “a inventar aquilo que não tem nada de inventar”.

O Benfica recebe o Moreirense no sábado, às 18:30, num encontro da 2.ª jornada da I Liga portuguesa de futebol onde vai tentar dar seguimento ao bom arranque de campeonato conseguido com a vitória por 5-1, no terreno do Famalicão, na jornada inaugural.

 

Lusa

Continue a ler

Populares