Ligue-se a nós

Desporto

Liga das Nações: Portugal com todos os jogadores disponíveis para compromisso “Suiça”

Publicado

O selecionador Fernando Santos voltou hoje a contar com todos os 23 jogadores disponíveis no treino, a menos de uma semana de defrontar a Suíça, no primeiro jogo da fase final da Liga das Nações de futebol.

Na Cidade do Futebol, em Oeiras, a seleção nacional treinou pela primeira vez no período da manhã, depois de três dias seguidos a trabalhar durante a tarde, e Fernando Santos teve à sua disposição todos os jogadores, tal como já tinha acontecido na quarta-feira.

Nos primeiros 15 minutos do apronto, que foram abertos à comunicação social, os jogadores trabalharam sempre com bola, tendo o selecionador nacional dividido o grupo, em exercícios de circulação.

A primeira semana de trabalho de Portugal será feita em regime aberto, com os jogadores a estarem apenas obrigados a comparecer nos treinos, com a concentração para estágio a estar agendada para domingo.

Portugal, campeão europeu em título, defronta a Suíça nas meias-finais da Liga das Nações, em 05 de junho, no Estádio do Dragão, no Porto, em jogo com início às 19:45. Um dia depois, Inglaterra e a Holanda disputam a outra meia-final, no Estádio D. Afonso Henriques, em Guimarães, também às 19:45.

Os vencedores disputam a final da primeira edição da Liga das Nações, em 09 de junho, no Estádio do Dragão.

Desporto

Michel Platini preso por suspeitas de corrupção

O ex-presidente da UEFA foi detido pela polícia francesa por suspeitas de corrupção na organização do Campeonato do Mundo de 2022, no Qatar.

Publicado

Michel Platini foi detido esta terça-feira pelas autoridades e levado para o gabinete Anti-Corrupção da Polícia Judiciária francesa (OCLCIFF) por suspeitas de corrupção na atribuição da organização do Campeonato do Mundo de 2022 ao Qatar.

O ex-presidente da UEFA encontra-se sob custódia da polícia em Nanterre, na área metropolitana de Paris, avança o jornal Mediapart.

O Qatar foi nomeado anfitrião do Mundial 2022 em dezembro de 2010, ano em que Platini ainda exercia funções como presidente da União das Associações Europeias de Futebol (UEFA).

Platini foi eleito em 2007 e exerceu funções de presidência da UEFA até 2015, depois de ser banido por quatro anos pelo comité de ética da FIFA.

Continue a ler

Populares