Ligue-se a nós

Desporto

João Félix, Cristiano Ronaldo e Bernardo Silva nomeados para a Bola de Ouro

Publicado

Foto: Facebook Sport Lisboa Benfica

Os avançados portugueses Cristiano Ronaldo, vencedor por cinco vezes, Bernardo Silva e João Félix integram a lista dos 30 nomeados para a Bola de Ouro do France Football, troféu que distingue o melhor futebolista do ano.

Ronaldo, que arrebatou o prémio em 2008, 2013, 2014, 2016 e 2017, foi nomeado pela 16.ª vez, enquanto Bernardo Silva, campeão inglês ao serviço dos Manchester City, e Félix, campeão português pelo Benfica e contratado pelo Atlético de Madrid por 126 milhões de euros, estreiam-se no lote de candidatos.

Entre os eleitos, estão também o avançado argentino Lionel Messi (FC Barcelona), que já ganhou a Bola de Ouro por cinco vezes e arrebatou recentemente o ‘The Best’ da FIFA, bem com o defesa holandês Virgil van Dijk (Liverpool), designado melhor jogador da época 2018/19 pela UEFA.

O vencedor do prémio será anunciado no dia 2 de dezembro.

Desporto

Japão vai pedir adiamento de um ano dos Jogos Olímpicos

Publicado

O primeiro-ministro do Japão, Shinzo Abe, decidiu propor ao Comité Olímpico Internacional o adiamento dos Jogos Olímpicos Tóquio2020 por um ano devido à pandemia da covid-19, anunciou hoje a televisão pública japonesa NHK.

Segundo a mesma fonte, citada pelas agências internacionais, esta é a proposta em discussão na conversa por videoconferência entre o primeiro-ministro japonês e o líder do Comité Olímpico Internacional (COI), Thomas Bach, que está a decorrer.

A NHK refere ainda que Shinzo Abe quer que a decisão do COI seja tomada “o mais rápido possível”.No domingo, o COI anunciou que vai deliberar num período de quatro semanas sobre a realização dos Jogos Olímpicos Tóquio2020, que deverão decorrer entre 24 de julho e 09 de agosto, devido à pandemia da Covid-19, com o adiamento na agenda, mas não o cancelamento.

O Comité Olímpico de Portugal (COP) pediu na segunda-feira firmeza e rapidez no anúncio de uma solução de adiamento dos Jogos Olímpicos Tóquio2020, numa carta enviada ao presidente do COI.

Continue a ler

Populares