Ligue-se a nós

Atualidade

Já sabe em quem vai votar nas eleições europeias? Este teste ajuda-o

Publicado

O Euandi2019 é uma aplicação ou ferramenta de ajuda ao voto que reduz os custos (de tempo ou racionalidade) da tomada de decisão dos eleitores na escolha do partido que lhes está mais próximo.

“Em vez de pedir às pessoas para lerem todos os programas eleitorais, entrevistas dos líderes, dos cabeças de lista, nós fizemos esse trabalho prévio”, explica José Santana Pereira, iprofessor de Ciência Política do ISCTE-IUL e um dos líderes do projeto em Portugal.

A aplicação, promovida pelo Instituto Universitário Europeu para as eleições europeias que se aproximam, faz perguntas sobre temas que caracterizam o debate político e as posições ideológicas dos partidos.

No final, o resultado diz-lhe, percentualmente, o partido que mais se aproxima das suas posições.

Atualidade

Programa Apoiar reforça apoios para empresas encerradas devido à pandemia

Publicado

A alteração ao regulamento do programa Apoiar determina novos apoios para as empresas que se mantêm encerradas devido à pandemia de covid-19, designadamente bares e discotecas, anunciou hoje o Governo.

Numa nota enviada às redações, o gabinete do ministro de Estado, da Economia e da Transição Digital, Pedro Siza Vieira, destaca que “este reforço da liquidez” se traduz “numa duplicação do apoio extraordinário já atribuído, correspondente ao valor do incentivo apurado referente ao último trimestre de 2020”.

A medida visa “melhorar as condições de tesouraria das empresas para fazerem face aos compromissos de curto prazo, contribuindo para a sua subsistência durante e após o surto pandémico”, é salientado no comunicado.

O gabinete de Siza Vieira refere que, no caso das empresas com quebras de faturação entre os 25% e os 50%, “o reforço do apoio pode atingir os 13.750 euros para as microempresas e os 33.750 euros para as pequenas, médias e grandes empresas”.

“Caso as quebras tenham sido superiores a 50%, o apoio pode ascender a 20.625 euros ou 50.625 euros, respetivamente”, é acrescentado.

A alteração ao regulamento do programa Apoiar aplica-se retroativamente às candidaturas que já foram aprovados e o ajustamento dos valores a receber será feito de forma automática, depois de confirmadas as condições de acesso, explica o Governo.

Lusa

Continue a ler

Populares