Ligue-se a nós

Desporto

FC Porto continua a dois pontos do Benfica e isola-se no segundo lugar

Publicado

O FC Porto manteve-se a dois pontos do líder Benfica, após vencer o Desportivo das Aves (1-0), e isolou-se no segundo lugar da I Liga de futebol, aproveitando o empate (2-2) do Famalicão em Braga, na 10.ª jornada.

Em Tondela (1-0), o Sporting sofreu a terceira derrota na prova, a primeira desde a chegada do técnico Silas, e pode cair para o quinto lugar, caso o Boavista vença na segunda-feira o Vitória de Setúbal, no Bonfim, no fecho da ronda.

No Estádio do Dragão, perante o lanterna-vermelha do campeonato, o FC Porto regressou aos triunfos (tinha empatado 1-1 com o Marítimo na última jornada) e manteve-se a dois pontos do Benfica, que no sábado venceu o Rio Ave (2-0).

O defesa central espanhol Marcano marcou o único golo do encontro, aos 13 minutos, e ajudou os ‘dragões’ a isolarem-se no segundo posto, naquela que foi a oitava derrota seguida do Aves na prova.

Num encontro que aconteceu praticamente à mesma hora, no Minho, o Famalicão fugiu da derrota em Braga graças a um tento de Anderson, aos 89 minutos. O avançado brasileiro do assinou o seu sexto golo no campeonato e igualou Zé Luís (FC Porto) no segundo lugar na lista dos melhores marcadores, atrás que Pizzi (Benfica), que leva sete.

Mesmo em inferioridade numérica, por expulsão de Roderick, aos 34 minutos, o Famalicão chegou a estar em vantagem, com um golo do espanhol Toni Martinez, aos 47, mas o brasileiro Galeno, aos 77 e 78, protagonizou a reviravolta.

O Famalicão, que já chegou a ser líder isolado, caiu para o terceiro posto, a dois pontos do FC Porto e a quatro do Benfica, enquanto Sporting de Braga somou o segundo jogo sem vencer e continua no 10.º posto.

Antes, o Tondela conquistou hoje a primeira vitória em casa na edição 2019/20 da I Liga e impôs a primeira derrota na prova a Silas como técnico do Sporting, graças a um golo tardio de Bruno Wilson, aos 88 minutos.

Com este triunfo, o Tondela subiu ao sétimo lugar, com 15 pontos, e igualou provisoriamente o Boavista.

Destaque ainda para o Gil Vicente, que regressou aos triunfos, nove encontros depois, ao vencer em casa o Marítimo, por 2-0.

O Marítimo, que somou o terceiro jogo sem vencer, caiu para o 13.º lugar, com os mesmos 10 pontos dos barcelenses.

Desporto

Casillas anuncia candidatura à presidência da federação espanhola

Publicado

O espanhol Iker Casillas vai candidatar-se à presidência da Real Federação Espanhola de Futebol (RFEF), anunciou hoje o guarda-redes do FC Porto, confirmando o fim próximo da carreira profissional.

“Sim, vou candidatar-me à presidência da RFEF quando se convocarem eleições. Juntos vamos pôr a nossa federação à altura do melhor futebol do mundo: o de Espanha”, afirma Casillas na rede social Twitter.

Casillas tinha anunciado em setembro que revelaria o seu futuro em março, depois de quase um ano parado, devido ao enfarte sofrido num treino dos ‘dragões’, em 01 maio de 2019, que o obrigou a uma intervenção cirúrgica.

Desde então, não voltou a jogar, mas manteve-se ligado ao FC Porto, permanecendo a dúvida quanto a um regresso à competição, embora o presidente da Liga espanhola, Javier Tebas, tenha chegado a dizer que Casillas admitia voltar.

O futebolista, de 38 anos, oficializa agora o final da carreira enquanto jogador, ainda que o seu último jogo tenha sido disputado em 26 de abril de 2019, com um empate na visita ao Rio Ave (2-2), para a I Liga portuguesa.

Após o enfarte e já no período de recuperação, o FC Porto anunciou que o espanhol iria integrar, enquanto recuperava, o “staff diretivo da equipa de futebol”, mas chegou a inscrevê-lo na I Liga para a atual época.

O guarda-redes chega às eleições da RFEF identificado como uma das figuras mais conceituadas do futebol mundial, após uma carreira em que se notabilizou, sobretudo, na seleção espanhola e no Real Madrid.

Continue a ler

Populares