Ligue-se a nós

Atualidade

Documentos desaparecidos originaram buscas em propriedade de Donald Trump

Publicado

As buscas da polícia federal norte-americana (FBI) à propriedade de Donald Trump em Mar-a-Lago, Palm Beach, na Flórida, fazem parte de uma investigação sobre o manuseamento de documentos presidenciais, incluindo documentos confidenciais, segundo confirmaram várias fontes à CNN.

A advogada do antigo presidente dos Estados Unidos também avançou que foi apreendida documentação e Eric Trump, filho do ex-chefe de Estado, confirmou que em causa estavam os documentos desaparecidos dos Arquivos Nacionais.

Sublinhe-se que esta possibilidade já tinha sido avançada depois de ser conhecido que estavam a ser realizadas buscas na propriedade de Donald Trump, que em comunicado confirmou o sucedido. “Depois de trabalhar e cooperar com as agências governamentais relevantes, estas buscas não anunciadas na minha casa não são necessárias nem apropriadas”, disse Trump, num comunicado, no qual afirmava que a sua casa tinha sido “sitiada, invadida e ocupada por um grande grupo de agentes do FBI”.

Após denunciar as buscas, o ex-presidente norte-americano acabou por lançar algumas acusações, nomeadamente sobre as Presidenciais de 2024, às quais deverá concorrer.

“Esta é uma má prática da procuradoria, a instrumentalização do sistema de justiça e um ataque de democratas de esquerda radical que desesperadamente não querem que eu concorra à presidência em 2024, especialmente como resultado das últimas sondagens”, disse Trump.

Segundo adiantou uma fonte próxima à CNN, Donald Trump encontrava-se na Trump Tower, em Nova Iorque, quando o mandado de busca foi executado. A estação indica ainda que as buscas se concentraram na área dos escritórios e aposentos pessoais de Trump.

Sublinhe-se que, em fevereiro, os Arquivos Nacionais e Administração de Documentos avançou que Trump teve de devolver 15 caixas de documentos que foram retirados indevidamente da Casa Branca.

Publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado.