Voltar
Furacão Florence já "entrou" nos Estados Unidos

O Furacão Florence entrou ao início da tarde desta sexta-feira no território dos Estados Unidos.

A tempestade tocou a costa atlântica no estado da Carolina do Norte com ventos fortes, com rajadas até aos 180 quilómetros por hora, e chuvas torrenciais que fazem antever grandes inundações.

Em Dallas, uma cidade a cerca de 200 quilómetros da costa, vive Paulo Cunha, um português radicado nos Estados Unidos há 20 anos.

O cidadão luso natural do Barreiro, em Lisboa, contava ao início da tarde que eram visíveis os sinais de aproximação da tempestade e confessava à Record FM algum receio. "As nossas preocupações passam pelos nossos bens materiais... casas... carros... e obviamente a nossa vida. Aqui, não vamos ser tão afetados como as pessoas na costa, mas com as chuvas fortes e ventos estamos um pouco preocupados, mas com esperança que vai tudo correr bem".

Os principais alertas das autoridades norte-americanas vão para a ocorrência de inundações e para a necessidade da população estar num local seguro.

Tendo já passado por esta situação no passado, Paulo Cunha tomou algumas precauções, "compramos mais enlatados, para ter comida sempre à mão, compramos bastante água engarrada e abastecemos os carros, porque a gasolina pode acabar, para o caso de termos de ir para algum lado".

O furacão Florence dirige-se lentamento para o interior da Carolina do Norte, antes de passar ao estado vizinho da Carolina do Sul.

 

António Manuel Marques