Ligue-se a nós

Atualidade

Desapareceram 430 unidades de analgésico, 50 vezes mais potente que a heroína

O opióide é usado no caso de dores extremas provocadas por doenças crónicas e oncológicas.

Publicado

Mais de 400 unidades do medicamento Fentanilo Basi, um potente analgésico usado também como componente da anestesia, desapareceram do distribuidor em Portugal, anunciou a Autoridade Nacional do Medicamento.

Segundo o Infarmed, o caso abrange 430 unidades do medicamento Fentanilo Basi, solução injetável, 0,05 mg/ml, ampola – 10 unidade(s) – 5 ml, que desapareceram de um distribuidor por grosso de medicamentos de uso humano em Portugal, e estão já em curso “ações inspetivas ao circuito do medicamento”.

O Infarmed pede ainda que lhe seja comunicada qualquer suspeita sobre a autenticidade destas unidades, que têm o número de registo 4419685 e pertencem ao lote n.º 3022.

Trata-se de um opióide 50 vezes mais potente do que a heroína que é usado igualmente no caso de dores extremas provocadas por doenças crónicas e oncológicas.

Atualidade

Mãe de menina que morreu na bagageira pode ser acusada de ofensa à integridade física

Publicado

Emergência Ambulância

A mãe da menina que morreu na bagageira, na sequência de um acidente de carro na madrugada de domingo em Cascais, pode vir a ser acusada de pelo menos dois crimes, avança o jornal Sol.

O advogado Rogério Alves disse ao Jornal de Notícias (JN) que a mulher, que era também a condutora do carro, pode ser acusado de “condução perigosa de veículo rodoviário, numa pena que pode ir até três anos de prisão”; e ainda do crime de “ofensa à integridade física com agravação do resultado, o que inclui uma pena que também pode ir até aos três anos de cadeia”.

O acidente aconteceu pelas 0h20 horas de domingo, sendo que no carro estavam oito pessoas, incluindo duas crianças que seguiam na bagageira, uma menina de 10 anos e um rapaz de 13.

De acordo com fonte da GNR, citada pelo JN, o caso “está agora entregue ao Núcleo de Investigação de Acidentes do Destacamento de Trânsito da GNR de Carcavelos”.

Continue a ler

Populares