Ligue-se a nós

Desporto

Custódio Castro já não é treinador do Sporting de Braga

O Sporting de Braga perdeu, na terça-feira, com o Rio Ave, 3-2, na 29.ª jornada da I Liga.

Publicado

Foto: Facebook Sporting Clube de Braga

Custódio Castro apresentou a demissão do cargo de treinador do Sporting de Braga, revelou hoje o clube minhoto, quarto classificado da I Liga de futebol.

Custódio Castro assumiu o comando da equipa principal no início de março, substituindo no cargo Rúben Amorim (contratado pelo Sporting), tendo orientado os minhotos em seis partidas, com um saldo negativo de três derrotas, duas vitórias e um empate.

“Os erros não têm consequências para os árbitros nem para quem os lidera, mas têm consequências para as equipas, para os dirigentes, para os treinadores, para os jogadores e para os sócios e adeptos. A frustração sentida pelo clube e pelos seus responsáveis contribui para um clima de grande adversidade e favoreceu, não tenhamos dúvida, a decisão comunicada por Custódio Castro de deixar o comando técnico da equipa do Sporting de Braga”, lê-se num comunicado de hoje assinado pelo seu presidente, António Salvador.

A “posição inamovível” do treinador “coloca um desafio acrescido ao clube para a fase final da temporada, mas é reflexo de um ambiente de contrariedade que em grande parte é provocado por erros externos que não são admissíveis nem desculpáveis”.

COMENTÁRIOS

Desporto

Euro2020: Portugal decide passagem aos ‘oitavos’ com a França esta noite

Publicado

A seleção portuguesa de futebol decide hoje o futuro no Euro2020, sendo certo que se pontuar diante da França, em Budapeste, na terceira jornada do Grupo F, garante a passagem aos oitavos de final da competição.

De regresso à Puskas Arena, onde se estrearam na prova com um triunfo sobre a Hungria (3-0), os campeões europeus defrontam os campeões do mundo a partir das 20:00 (hora de Lisboa), à mesma hora a que a Alemanha defronta os húngaros, em Munique.

À entrada para a terceira e derradeira partida do Grupo F, Portugal ocupa o terceiro lugar, com três pontos, os mesmos dos alemães, que subiram ao segundo posto após o triunfo sobre a equipa das equipas (4-2), e menos um do que os franceses, que lideram e já ‘carimbaram’ a passagem, enquanto os húngaros seguem em último, com um.

A qualificação de Portugal para os ‘oitavos’ fica garantida em caso de empate ou vitória sobre os gauleses e mesmo uma derrota por dois golos de diferença também colocará a formação lusa na próxima fase, como um dos quatro melhores terceiros classificados, desde que a Hungria não vença a Alemanha.

Para o duelo com a França, a seleção nacional apenas não poderá contar com o lateral Nuno Mendes, a contas com problemas musculares, o que faz com que o selecionador Fernando Santos tenha à disposição 25 jogadores para a ‘decisão’ em Budapeste.

Portugal e França jogam a partir das 20:00, na Puskas Arena, na capital magiar, em encontro da terceira jornada do Grupo F do Euro2020, que será dirigido pelo espanhol Antonio Mateu Lahoz.

No Grupo E, a Espanha, campeã em 2008 e 2012, é terceira, com dois pontos, e está obrigada a vencer a Eslováquia, terceira com três, para não depender de terceiros para se apurar. Um empate apura a Eslováquia e pode apurar a Espanha, se a Polónia não vencer a Suécia.

Já apurada, a Suécia, que lidera com quatro pontos, tenta assegurar a vitória no grupo, enquanto a Polónia, treinada por Paulo Sousa e que é última com um ponto, apenas se apura com um triunfo.

O Euro2020, que foi adiado para este ano devido à pandemia de covid-19, decorre até 11 de julho, em 11 cidades de 11 países diferentes.

Continue a ler

Populares