Ligue-se a nós

Atualidade

CGD: Constâncio volta ao Parlamento a 18 de junho

Publicado

O jornal Público revelou documentos que mostram que a operação de entrada de Joe Berardo no BCP tinha sido autorizada pelo Banco de Portugal (BdP), mesmo sabendo que as verbas necessárias provinham de um crédito de 350 milhões de euros contraídos junto da Caixa Geral de Depósitos (CGD).

Apesar de dizer que não esteve no conselho de administração que autorizou a operação, o antigo Governador do Banco de Portugal, Vitor Constâncio, recebeu o documento com todos os detalhes da operação, incluindo a informação de que o investidor não tinha capacidade financeira para ser um accionista qualificado da instituição, noticia o Público.

Uma auditoria da EY à CGD, revela que em 2015 a exposição do banco público à Fundação José Berardo era de 268 milhões de euros, depois de uma concessão de crédito de 350 milhões de euros para compra de ações no BCP, dando como garantia as próprias ações, que desvalorizaram e geraram grandes perdas para o banco.

Atualidade

Bombeiro ferido no combate a incêndio na A3 em Famalicão

Publicado

Emergência Ambulância

Um bombeiro sofreu esta sexta-feira ferimentos ligeiros quando combatia um incêndio que começou numa pesado de mercadorias na Autoestrada 3 (A3) e se propagou a uma área florestal em Vila Nova de Famalicão.

Segundo fonte do Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Braga, o bombeiro foi conduzido ao Hospital de Famalicão.

Um camião que seguia na A3 no sentido Porto-Braga, sem transportar qualquer carga, incendiou pelas 10:00, em Famalicão, e acabou por incendiar também uma área florestal.

O condutor do camião escapou ileso.

Em comunicado, a Brisa refere que, pelas 10:00, a circulação na A3 foi interrompida no “sentido sul/norte, entre as saídas 7/Cruz e 8/Braga Sul”, para “combate a incêndio em veículo pesado”.

A circulação foi reaberta às 11:00.

Continue a ler

Populares