Ligue-se a nós

Atualidade

Britney Spears já pode contratar o seu próprio advogado

Publicado

A artista Britney Spears recebeu  a autorização do tribunal para contratar o seu próprio advogado, depois de ter sido aprovado o pedido de demissão de Samuel D. Ingham III, que a representava desde 2008.

De acordo com a imprensa norte-americana, a juíza do Tribunal Superior do Condado de Los Angeles, no estado da Califórnia, Brenda Penny, aprovou a demissão de Ingham e, ao mesmo tempo, a escolha de Mathew Rosengart, como novo advogado de Britney Spears.

A artista luta pelo fim da tutoria que desde 2008 colocou nas mãos do seu pai o controlo do património financeiro e aspetos da vida pessoal.

Britney Spears, de acordo com a cadeia de televisão NBC, começou a chorar durante a audiência, explicando à juíza que estava “extremamente assustada” com o seu pai, James Spears.

“Estou aqui para me livrar do meu pai e acusá-lo de abuso de tutela”, disse, acrescentando que gostava que o seu tutor fosse investigado.

A cantora norte-americana pediu ao tribunal em junho o direito de escolher o seu próprio advogado, alegando que não foi informada de ter poder para terminar com a tutela e que se sentiu silenciada por Samuel D. Ingham III.

No início da semana, Britney Spears assinou um documento legal para selecionar o poderoso advogado Mathew Rosengart como seu representante, um antigo promotor federal que representou celebridades de Hollywood como Sean Penn, Steven Spielberg, Julia Louis-Dreyfus e Keanu Reeves.

Rosengart é a defesa escolhida pela artista, após ser representada por um advogado nomeado pelo tribunal desde que foi colocada sob tutela do seu pai em 2008.

Antes da audiência, segundo a publicação Variety, apoiantes do movimento #FreeBritney estiveram junto ao Tribunal Stanley Mosk, com roupas alusivas à artista e empunhado cartazes com inscrições a pedirem o fim da tutela.

Em fevereiro, a vida de Britney Spears voltou à esfera pública com o lançamento do documentário “Framing Britney Spears”, focado na trajetória da cantora norte-americana, incluindo os momentos de maior popularidade e os acontecimentos que levaram a que a sua vida passasse a ser controlada pelo pai.

Aos 39 anos, Britney Spears “não pode dispor livremente do seu dinheiro ou assinar nenhum documento sem autorização prévia, o que a levou a uma árdua batalha judicial contra o pai”. O trabalho do The New York Times “explora a base legal da tutela, assim como os requisitos que devem cumprir tanto Spears como os tutores designados pelo tribunal”.

COMENTÁRIOS

Atualidade

Programa Apoiar reforça apoios para empresas encerradas devido à pandemia

Publicado

A alteração ao regulamento do programa Apoiar determina novos apoios para as empresas que se mantêm encerradas devido à pandemia de covid-19, designadamente bares e discotecas, anunciou hoje o Governo.

Numa nota enviada às redações, o gabinete do ministro de Estado, da Economia e da Transição Digital, Pedro Siza Vieira, destaca que “este reforço da liquidez” se traduz “numa duplicação do apoio extraordinário já atribuído, correspondente ao valor do incentivo apurado referente ao último trimestre de 2020”.

A medida visa “melhorar as condições de tesouraria das empresas para fazerem face aos compromissos de curto prazo, contribuindo para a sua subsistência durante e após o surto pandémico”, é salientado no comunicado.

O gabinete de Siza Vieira refere que, no caso das empresas com quebras de faturação entre os 25% e os 50%, “o reforço do apoio pode atingir os 13.750 euros para as microempresas e os 33.750 euros para as pequenas, médias e grandes empresas”.

“Caso as quebras tenham sido superiores a 50%, o apoio pode ascender a 20.625 euros ou 50.625 euros, respetivamente”, é acrescentado.

A alteração ao regulamento do programa Apoiar aplica-se retroativamente às candidaturas que já foram aprovados e o ajustamento dos valores a receber será feito de forma automática, depois de confirmadas as condições de acesso, explica o Governo.

Lusa

Continue a ler

Populares